quinta-feira, 12 de julho de 2012

Dizem que é raro.

O tumor era maligno. PAUUUUU.... balde de água fria.
Estou a fazer quimioterapia adjuvante ou seja é a quimioterapia que se administra geralmente depois de um tratamento principal, como por exemplo, a cirurgia, para diminuir a incidência de disseminação a distância do câncer.
Dizem que é raro. Que não estavam à espera que uma pessoa tão nova o pudesse ter. Enfim... Nada a fazer. Não posso esconder a cabeça na areia como a avestruz ou sequer passar os meus dias a chorar ( Se bem que tenho os meus momentos).
Tenho uma filha que quero muito ver crescer.
É engraçado. Quando levamos com uma noticia destas, pelo menos eu, não pensamos nas coisas que deixamos de fazer. O que mais me assusta, não são as viagens por realizar, as comidas por provar.
Assusta-me sim não ver a menina crescer, saber que se me acontecer alguma coisa agora ou num futuro próximo, que ela não se lembre de mim.
Well, prometi a mim mesma que este blog não se iria tornar no lamento de um doente oncológico.
Quero viver.... 




4 comentários:

Rubi disse...

Muita força e fé :)!

Mariazinha disse...

Obrigada querida. Bj

Olívia Palito disse...

Estamos aqui deste lado para vermos a tua vitória. :) :)

Beijinho grande*

lolita disse...

Força e um sorriso :) *